Notícias

CDL Concórdia reforça ao poder público manutenção das atividades

31/07/2020

A CDL Concórdia preocupada com a situação atual ocasionada pelo coronavírus Covid-19 e os números anunciados nos últimos dias pelo setor da saúde em exclusivo no que se refere a quantidade de leitos utilizados no Hospital São Francisco por pacientes decorrentes da doença enviou na manhã desta sexta-feira (31/07), ao poder público mais um Ofício na qual reitera a continuação das atividades empresariais e a manutenção dos cuidados com a saúde da população.

Para a entidade é preciso enfatizar que boa parte dos leitos utilizados são de pacientes vindos de outras regiões do Estado na qual colocou a cidade em classificação de risco gravíssimo. A justificativa da Prefeitura é a mesma pontuando que a região não é causadora direta da ocupação aumentada nos leitos de UTI, já que o Hospital está recebendo pacientes de outras localidades.

A CDL destaca o mesmo posicionamento por parte do Poder Público que é de implementar novas medidas que possam evitar a não aglomeração de pessoas sem causar o fechamento dos estabelecimentos.

A entidade entende que o momento continua sendo de preservação a vida e de cuidados para a não disseminação do vírus, mas que ainda é necessário a manutenção das formas de trabalho mesmo que com ajustes caso sejam necessários.

Além da reunião com prefeitos do Alto Uruguai Catarinense na manhã de ontem (30/07), pela tarde o prefeito, Rogério Pacheco, ainda convocou os membros das comissões de enfrentamento na qual a entidade de classe lojista e empresarial esteve representada pelo vice-presidente, Gabriel Sabino.


Fonte: Jornalista Responsável: Fabiana Passarin – ASCOM CDL Concórdia